RESENHA: Lola e o garoto da casa ao lado - Stephanie Perkins


Booom dia pessoal, como é que vocês estão? Dezembro finalmente chegou e eu estou cada vez mais ansiosa para o natal. Muitas emoções estão por vir e 2015 com toda certeza promete! Hoje iremos começar com uma resenha bem bacana, feita pela Ana Cristina. A palavra 'fofo' foi muito usada em sua resenha e tudo o que posso adiantar é que ela gostou e muito do livro. Espero que vocês leiam a resenha e deixem nos comentários o que acharam! Super beijo :)

LOLA E O GAROTO DA CASA AO LADO – STEPHANIE PERKINS

A designer-revelação Lola Nolan não acredita em moda… ela acredita em trajes. Quanto mais expressiva for a roupa — mais brilhante, mais divertida, mais selvagem — melhor. Mas apesar de o estilo de Lola ser ultrajante, ela é uma filha e amiga dedicada com grandes planos para o futuro. E tudo está muito perfeito (até mesmo com seu namorado roqueiro gostoso) até os gêmeos Bell, Calliope e Cricket, voltarem ao seu bairro. Quando Cricket — um inventor habilidoso — sai da sombra de sua irmã gêmea e volta para a vida de Lola, ela finalmente precisa conciliar uma vida de sentimentos pelo garoto da porta ao lado.









Já faz um tempo que eu notei que meu gosto literário mudou, e seres fantásticos como vampiros e fadas – e romances adolescentes não me atraem, exceto quando os livros são de autoras como Stephanie Perkins. Simplesmente porque ela escreve de um jeito muito  fofo.
Lola é uma menina de 17 anos que vive com seus dois pais – isso mesmo, ela é criada por um casal gay. E ela tem um gosto bem peculiar por moda, o que inclui perucas coloridas e qualquer peça de roupa que você consiga imaginar. Contrariando a vontade dos pais, ela namora Max, de 22 anos que tem uma banda de rock.
Ela tem uma vida boa e tranquila, até a volta dos gêmeos Bell, seus antigos vizinhos para a casa ao lado da sua. A gêmea Calliope não gosta dela e Cricket volta a despertar antigos sentimentos que a deixam confusa. Então sua vida vira de cabeça pra baixo quando Cricket começa a aparecer em todos os lugares que Lola frequenta.
Cricket é aquele tipo de personagem que daria um namorado querido e fofo, sabe onde aparecer e o que dizer pra derreter uma  adolescente. Não me canso de usar a palavra Fofo nessa resenha.
Acontece que até o final do livro a autora cria expectativa sobre o que vai acontecer a seguir. E pra quem já leu Anna e o Beijo Francês, a Anna e o Étienne estão presentes e influentes nessa estória – o que é muito legal pra quem curte imaginar o que acontece depois do fim do livro.
Esse é bem o tipo de livro leve para quem acabou de ler um livro como Perdão, LeonardPeacock.
Como eu disse, o livro é romântico e fofo. Lola é fofa e Cricket é fofo. A capa é fofa.

Leiam!!!

Ana Cristina
Tem 26 anos, estuda hotelaria e é aquariana em todos os sentidos. Apaixonada por livros, julga-os pela capa e adora uma boa promoção. Também gosta de filmes de todos os gêneros, principalmente terror. Adora assistir séries de TV junto com o maridão e música boa, apesar de não entender muito de música. 





=> Este post está participando do Top Comentarista de Novembro/Dezembro, clique para preencher o formulário.

3 comentários:

  1. Poxa, já li Anna e o beijo francês e simplesmente amei! Esperando as férias para ler este livro rs
    Promo de Natal

    ResponderExcluir
  2. Tenho certeza que você vai gostar Micka!

    ResponderExcluir
  3. Oii Ana :]

    Pensa em uma pessoa que é APAIXONADA por essa capa .. Pensou? Sou eu, rs!
    Achei a história bem diferente, e pelo que percebi também vai ser divertida. Não chego a ser exatamente igual a Lola no quesito traje, mas confesso que gosto de coisas bem extravagantes e acho que vou me identificar com ela. To super ansiosa pra conhecer esse lado fofo do livro <3
    Bjs ;*

    "Promo de natal"

    ResponderExcluir

Comente! Sua opinião é muito importante para nós.