RESENHA: À primeira vista - Nicholas Sparks



Booom dia galera do Drunk, cá estou eu outra vez, mas para trazer a resenha da nossa talentosíssima Ana Cristina sobre um dos livros mais sofríveis do Nicholas Sparks - vocês sabem o quanto eu o admiro, não? - e por isto, peço alguns minutinhos do tempo de vocês, para que leiam esta pequena, porém efetiva crítica do livro. Não se esqueçam de deixar comentários, para que a Ana veja o quanto seu trabalho é bom, e também é claro, preencham o formulário para concorrer ao Top Comentárista!

À PRIMEIRA VISTA – NICHOLAS SPARKS

Jeremy Marsh tinha três certezas: jamais se mudaria de Nova York, não se apaixonaria novamente e nunca teria filhos. Mas agora ele está prestes a se casar com Lexie Darnell e aguarda a chegada da primeira filha, enquanto conduz a reforma de sua nova casa na pequena cidade de Boone Creek, na Carolina do Norte. Em meio a tantas mudanças, Jeremy luta para reencontrar o equilíbrio pessoal e profissional ao lado da mulher que o fez mudar todos os seus planos. Quando tudo parece estar entrando nos eixos, Jeremy recebe um misterioso e-mail que dá início a uma série de acontecimentos que irão testar a força dessa paixão. Atormentado pela ideia de estar sendo traído, vivendo uma crise criativa que o impede de trabalhar e angustiado com a gestação complicada de Lexie, ele não poderia imaginar que o pior – e o melhor – ainda estava por vir.







Se tem um autor que eu não costumo ler, esse autor é Nicholas Sparks. O motivo é bem simples, eu que gosto de drama acho o Sr. Nicholas o rei do gênero. Então prefiro gastar cerca de uma hora e meia assistindo uma adaptação de um dos livros dele do que sofrer loucamente com as agruras que ele impõe ao destino dos seus personagens.
Mas eu li À Primeira Vista – foi um destes círculos viajantes, onde você é pego de surpresa por livros que não estão nos seus planos. Então eu me armei para não sofrer e aproveitei um fim de semana de descanso para ler Nicholas Sparks. Eu sofri, e se antes eu não gostava dos livros dele, agora eu odeio. Como um autor pode ser tão cruel?? Os leitores não merecem, eu não mereço.
O livro conta a estória de Jeremy, que está prestes a se casar, ele acredita no amor da sua noiva Lexie, mas o que está motivando sua mudança para uma cidade pequena em um mundo completamente diferente do que ele está acostumado é um pequeno acidente de percurso, uma gravidez. Mas ele é um bom rapaz e se muda, compra uma casa e começa uma reforma que envolve mais dinheiro do que o planejado, e tenta começar uma vida nova. Mas ao mesmo tempo em que ele sofre um bloqueio criativo no seu trabalho de jornalista, ele acabava com muito tempo livre, e recebe um e-mail que o faz começar a duvidar de tudo em que ele acredita, até da força do seu amor por Lexie.              O que se segue é uma busca sofrida pela verdade e uma tragédia, bem ao estilo Sparks. Posteriormente com um final feliz, é claro, mas eu não gostei.
Sim a estória me prendeu até a última linha, sim eu chorei, mas o Nicholas Sparks não tinha o direito de partir meu coração desse jeito.

Decretado: não leio mais livros do Nicholas Sparks sem ter visto o filme antes e estar para sofrer. Vale a pena? Sim, com certeza vale, se você gosta de lamentar como a vida é injusta.


Ana Cristina
Tem 26 anos, estuda hotelaria e é aquariana em todos os sentidos. Apaixonada por livros, julga-os pela capa e adora uma boa promoção. Também gosta de filmes de todos os gêneros, principalmente terror. Adora assistir séries de TV junto com o maridão e música boa, apesar de não entender muito de música. 



=> Este post está participando do Top Comentarista de Setembro/Outubro, clique para preencher o formulário.

3 comentários:

  1. hahaha
    Adorei sua resenha! kkkkk
    Realmente o Nick é um chaaato em fazer isso c a gnt!!
    Td nas histórias dele é sofridoo demais.
    Tô com um livro dele aqui em casa q é curtinho, mas tô fugindo à mais de um ano! uashuahsuas...tbm n gosto de ficar sofrendo e chorando..uahsuashuas
    Círculos viajantes sempre pregam esse tipo de pegadinha c a gnt! =P

    ResponderExcluir
  2. Até hoje li somente um único livro do Nicholas, eu ja sou ao contrario, prefiro ler o livro antes, nao importa o quanto eu sofra, mas prefiro...rsrs
    minha irmã ama Nicholas, o preferido dela O melhor de mim, ela ja leu acho que 3 vezes...hahahaha
    me falaram que A ultima música é muito bom, quero ler ele.

    ResponderExcluir

Comente! Sua opinião é muito importante para nós.