Book Tour João & Maria - Resenha #04

E eu falei que hoje não era dia de postagem mas é que eu acabei achando um arquivo aqui meio que atrasado e que já era pra ter sido divulgado aqui no Drunk faz tempo - me desculpem por isso - é do BT de João e Maria que eu estou organizando. Esta resenha foi feita pela Vivi do Empório dos Livros, e antes de mais nada eu gostaria de pedir a compreensão dos blogs participantes pois estivemos com alguns probleminhas de prazo nos últimos meses mas tudo está sendo resolvido OK? Fiquem calmos, até agosto nós encerramos esse BT. Enfim, aproveitem a resenha :D









Sinopse:
O que você escolheria: O Amor ou a Razão? Maria é bonita, estudiosa, avessa à badalação e tradicional. João é lindo, extrovertido, arrogante e vocalista de uma banda de rock. ...Ela jamais se aventurou numa paixão. Ele já singrou pelos mares de um amor fulminante. Eles não têm nada em comum. Mas foram feitos um para o outro.

Livro no Skoob

Essa resenha faz parte do Book Tour organizado pela Kate Willians do blog Drunk Culture.

Sabe quando você lê um livro e não sabe bem como defini-lo? Aquele tipo de livro que não conquista logo de início, mas depois te prende de uma forma tão intensa que logo você se vê virando as páginas, devorando o livro de uma maneira tão alucinada que chega a doer o peito quando acaba de ler... Não chega a entrar pra minha lista de favoritos, mas com certeza me rendeu ótimos momentos de leitura em baixo do edredom. E sim, eu chorei durante a leitura...

Algo que me chamou muito a atenção no livro foi a narração alternada de João e Maria nos capítulos, achei interessante ver as duas versões da história em um mesmo acontecimento, entender cada reação e comparar os diferentes temperamentos dos personagens, e por vezes, um mesmo acontecimento tinha uma visão totalmente diferente dependendo do personagem . A diagramação é simples e se havia algum erro de revisão não percebi, a capa também é bem simples, mas nem por isso deixa de ser charmosa (adooooro Roxo).

Maria é o tipo de garota quieta, centrada nos estudos que quase não é notada pelos outros. Já João é um conquistador que teve sua cota de decepções amorosas. Junto com seus melhores amigos, buscam o sonho de tornar o Polirock uma banda de sucesso. 

Desde o início do livro dá para ter uma ótima noção do temperamento de cada um dos personagens, seja dos principais até os personagens que aparecem poucas vezes, esse pra mim é um diferencial, pois personagens bem fundamentados são muito difíceis de se encontrar atualmente nos livros.

Algo que me desagradou no livro foi a rapidez com que se desenvolve a história, aqueles momentos que deveriam ser prolongados passam rapidamente... mas essa é minha opinião já que gosto de livros mais extensos. 

Não sei se outras pessoas que já leram esse livro irão concordar com o que vou dizer agora, mas não dá pra perceber que foram dois autores escrevendo a história, a Ana e o Marcos encontraram uma sintonia maravilhosa na escrita de "João e Maria" e com certeza é uma dupla que deveria apostar em outros trabalhos em conjunto.

Bom, eu tentei não falar muito sobre a história do livro pois ele é relativamente pequeno, então qualquer fato que tente colocar aqui já seria considerado Spoiler.

"E no meu quarto escuro, com um fone de ouvido, me deixava aventurar pela voz rouca de João. [...] Uma melodia romântica sussurrada no ar. Um beijo apaixonado..." Pág 23

"Maria... Maria. Não conseguia ligar o nome a pessoa. Algo me dizia que ela não era tão estranha assim. Não sei se profeticamente, mas Freddie cantou Love of My Life mais uma vez. Aumentei o som e me joguei no sofá." Pág 48








Resenha feita por Vivian do Blog Literário Empório dos Livros. 






Kate Willians
KATE_WILLIANS Uma blogueira aquariana de 17 anos, que ama escrever e ler de tudo, adora The Vampire Diaries e é mais desastrada que um pato. Sonha em ser jornalista e acaba de publicar o seu primeiro livro; Debaixo das Minhas Asas.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente! Sua opinião é muito importante para nós.